Primeira Escola de Verão de Ciências Atmosféricas e Marinhas

VER GALERIA

A Universidade de Cabo Verde, em parceira com o Observatório Atmosférico de Cabo Verde, recebeu, pela primeira vez, em Cabo Verde, a Primeira Escola de Verão de Ciências Atmosféricas e Marinhas, entre os dias 16 e 18 de outubro, no auditório do Campus do Palmarejo.

“A Escola de Verão correu bem, apesar da baixa participação dos estudantes nalgumas sessões”, afirmou a Coordenadora do evento, Professora Doutora Sandra Freire, acrescentado que havia alguma timidez dos estudantes devido à língua de comunicação, o inglês. 

A Coordenadora do evento destacou a grande importância da Escola do Verão que permite aos estudantes estarem num ambiente diferente da sala de aula, e poderem ver aplicações de conceitos básicos de Química.

Durante os 3 dias foram apresentadas questões relacionadas com as Ciências Atmosféricas e Marinhas, a interação entre o mar e a terra, as reações químicas que acontecem na atmosfera, a forma como se recolhem amostras na atmosfera e no mar para serem analisadas e os tipos de técnicas que são utilizados para se fazer análise.

A Primeira Escola de Verão de Ciências Atmosféricas e Marinhas contou com 52 estudantes inscritos e com conferencistas internacionais que vieram da Alemanha, França e Inglaterra.